Viver de drones: 4 dicas para renda extra trabalhando com drones

Descubra 4 setores para trabalhar com drones e veja dicas importantes para se destacar na área!

Trabalhar com drones é o desejo de muitas pessoas. Afinal, esse é um mercado que não para de crescer tanto no Brasil como no mundo. De acordo com os dados cadastrados no SARPAS (Solicitação de Acesso de Aeronaves Remotamente Pilotadas), até 2019 existiam mais de 18 mil pilotos cadastrados e mais de 14 mil aeronaves em operação no país.

A ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) estima que, da maioria das aeronaves cadastradas, apenas 35% são para uso profissional – o que demonstra que ainda há muito espaço para quem deseja atuar nessa área.

Quer trabalhar com drones, mas não sabe exatamente quais as possibilidades de aplicação dessa tecnologia? Siga a leitura!

1- Trabalhe com inspeção

O setor de inspeção é um dos que mais necessitam dos drones. Esses veículos não tripulados são usados em diversos segmentos de indústrias e também de empresas de manutenção.

Com as imagens aéreas, é mais fácil e seguro inspecionar locais em altura ou de difícil acesso, como telhados, chaminés, linhas de transmissão, construções, etc. Você poderá atuar em uma infinidade de setores, especialmente na construção civil, que sempre necessita de profissionais especializados para vistoriar obras, inspecionar edifícios e fachadas, acompanhar o andamento dos projetos e assim por diante.

A grande vantagem é que os drones, além de aumentarem a eficiência, ainda oferecem muito mais segurança, evitando ter de expor profissionais a riscos consideráveis para acessarem essas áreas remotas. É justamente por isso que o setor de inspeção com drones têm crescido tanto.

Para conseguir se destacar, além de um bom equipamento, uma dica é já ter algum conhecimento prévio sobre o setor, assim você saberá exatamente o que procurar, fornecendo um bom material. Por exemplo, engenheiros, arquitetos ou técnicos, podem investir em inspeções para a construção civil, pois já conhecem o setor e entendem como fazer as melhores imagens.

2- Use o drone para publicidade

As fotografias aéreas também têm sido muito consumidas no setor publicitário. Você poderá fazer fotos e vídeos para diferentes agências, desde para o marketing imobiliário, até para casamentos, shows, gravações de videoclipes, cenas de novelas, marketing no setor de turismo (hotéis, resorts, destinos, etc.) e muitos outros.

Também há a possibilidade de revender como freelancer suas imagens aéreas, por exemplo, para bancos de imagens. No ramo da construção, uma tendência é usar as imagens aéreas dos drones para fazer publicidade dos empreendimentos e das criações dos arquitetos e engenheiros.

3- Atue na área de mapeamentos

Os drones também são excelentes aliados para realizar mapeamentos e levantamentos topográficos. Esse é um setor bastante lucrativo, contudo é importante contar com um equipamento de mais qualidade e ter certo conhecimento sobre o setor.

São muitos os setores que necessitam desse tipo de serviço, como: florestal, construção civil, mineração, topografia, arqueologia, entre outros.

4- Avalie outros nichos

Além desses, existem muitos outros nichos em que é possível trabalhar com drones. Por exemplo, os serviços de entrega, que têm começado a se tornar mais frequentes lá fora e em breve deverão ser feitos também no Brasil. Algumas das empresas que já têm usado essa solução são a Amazon e a Alliexpress.

Outra possibilidade é usar os drones para realizar a vigilância aérea de determinadas áreas ou para o setor de agricultura. Nesse último caso, os drones ajudam a acompanhar à distância as plantações, diagnosticando problemas e oferecendo informações precisas para os agricultores.

Como você viu neste conteúdo, são muitas as possibilidades para trabalhar com drones, afinal essa tecnologia tem diferentes utilidades em inúmeros setores. Porém, para se destacar em todos eles, é fundamental ter conhecimento suficiente sobre pilotagem, legislação, técnicas e possibilidades dos usos dos drones.

Por isso, independentemente do setor em que você deseje atuar, uma das dicas mais importantes é: especialize-se. Busque por treinamentos, cursos de capacitação e outros que ajudem a entender melhor sobre o setor, os regulamentos, os tipos de drones usados e outras dicas que lhe ajudarão a se destacar e a conseguir mais clientes.

Se você está pensando em trabalhar com drones no setor da construção civil, que tal realizar o treinamento da Costanobre? Somos uma empresa de engenharia, com vasta experiência na prestação de diferentes serviços com drones – e agora também oferecemos treinamentos para quem deseja iniciar nesse setor. Entre em contato e saiba mais sobre nossas opções de cursos!

Digite seu E-Mail para baixar um E-Book sobre Drones.

  •  

    Referências:

    https://skylum.com/blog/how-to-make-money-with-a-drone

    https://www.fircroft.com/careeradvice/want-to-work-with-drones-these-are-the-top-drone-related-career-91001013382

    https://www.bhphotovideo.com/explora/video/tips-and-solutions/7-tips-starting-drones

    https://www.cnbc.com/2017/06/17/3-ways-you-can-turn-flying-drones-into-a-money-making-job.html

    https://www.mydronelab.com/blog/make-money-with-a-drone.html

    https://dronedj.com/2020/05/27/how-to-make-money-with-your-drone/

    https://www.digitalcameraworld.com/features/10-things-you-need-to-make-money-from-a-drone

    http://g1.globo.com/brasil/noticia/2013/03/polemicos-e-revolucionarios-mais-de-200-drones-voam-no-brasil-sem-regra.html

    https://mundoconectado.com.br/noticias/v/8679/dados-do-sarpas-mostram-que-ha-18951-pilotos-e-14161-drones-cadastrados-no-brasil

    https://www.tudocelular.com/eventos/noticias/n143415/mercado-drones-brasil-crescente-falta-regulacao.html

    WhatsApp chat