4 dicas para inspeções com o uso de drones

Deseja começar a trabalhar com drones? Descubra como eles são usados nos diferentes tipos de inspeções e entenda esse mercado!

Para quem deseja trabalhar com drones, as inspeções são áreas muito interessantes e que têm se beneficiado bastante com a tecnologia. Afinal, o drone consegue visualizar locais de difícil acesso, oferecendo imagens precisas a engenheiros e outros profissionais, que conseguem saber exatamente quais passos tomar em seguida.

Se você tem interesse nesse setor, continue a leitura e veja dicas e orientações importantes.

1. Entenda as principais atividades dos drones durante as inspeções

Os drones podem ser usados para diferentes tipos de inspeções, como:

1) inspeções de telhados: ajudando os profissionais a evitar ou solucionar problemas. A principal vantagem do drone é a segurança oferecida, já que ninguém precisará realizar serviços em altura ou movimentos arriscados para inspecionar todos os pontos dos telhados. Além disso, há um aumento na produtividade e um detalhamento maior, principalmente devido à qualidade das imagens;

2) inspeção predial de fachadas: as fachadas mal conservadas podem desvalorizar o imóvel e colocar as pessoas em risco, principalmente quando há presença de rachaduras, fissuras ou manchas de infiltração. Por isso existem normas técnicas que orientam sobre a periodicidade das inspeções e manutenções de fachadas em prédios (o serviço deve ser feito a cada 3 anos). Com os drones, é possível inspecionar fachadas inteiras em poucas horas, levando mais segurança e eficiência ao processo;

3) inspeção em indústrias: petrolíferas, parques eólicos, siderúrgicas, linhas de transmissão e outras indústrias necessitam periodicamente de inspeções para avaliar possíveis falhas ou durabilidade das plataformas, evitando acidentes e prejuízos. Quando feita de forma tradicional, essa inspeção pode levar dias e até semanas, causando custos consideráveis. Com os drones, ganha-se mais eficiência e qualidade no processo.

2- Saiba quais setores mais usam os drones

São muitas as indústrias que usam os drones nos serviços de inspeção. Conhecer quais são elas e suas características é algo fundamental para quem deseja trabalhar na área.

O setor elétrico é um que usa bastante os serviços dos drones, principalmente nas inspeções de torres de alta tensão ou, ainda, para verificar conectores e cabos frouxos e outros problemas.

No setor químico e petroquímico, as inspeções com drones são usadas, principalmente, para verificar vazamentos em tubulações ou tanques, além de chaminés e plataformas em geral.

Os drones também são empregados no setor de telecomunicações, verificando, principalmente a presença de pássaros ou insetos que causem interferências. E no setor metalúrgico, os drones são acoplados a câmeras termográficas para identificar pontos com excesso de aquecimento, rachaduras nos altos fornos ou nas chaminés.

Além desses, os drones são muito usados na construção civil, tanto nas manutenções como na administração dos canteiros de obras e acompanhamento dos serviços.

3. Avalie os equipamentos necessários

Para realizar as inspeções, independentemente do setor escolhido, é muito importante optar por modelos mais robustos, com maior potência e eficácia – geralmente que têm um custo superior e são mais profissionais.

Afinal, os equipamentos de plástico e mais baratos costumam ser, também, mais frágeis, e podem não suportar as exigências em termos físicos e técnicos das inspeções tanto na construção civil como nas demandas industriais.

Por isso, os drones industriais são os mais usados. Eles são formados por uma estrutura de titânio, magnésio e fibra de carbono.

4. Especialize-se na área de inspeções com drones

Para trabalhar com drones, além de conhecer as possibilidades do mercado e ter um bom equipamento, é muito importante se especializar. Assim, você conseguirá reunir os conhecimentos teóricos, técnicos e práticos necessários para prestar um serviço de qualidade, diferenciando-se no mercado.

Existem diferentes tipos de cursos, certificações e especializações. O importante é entender em qual área você deseja atuar e quais conhecimentos precisa. Dessa forma, conseguirá avaliar os melhores cursos em termos de conhecimentos oferecidos, carga horária e também empresa que oferece o treinamento.

Neste conteúdo, você viu que as inspeções são ótimas alternativas para quem deseja trabalhar com drones. Elas podem ser realizadas em diferentes áreas, desde a construção civil e manutenções prediais, até nos setores industriais, trazendo mais segurança, eficiência e produtividade, além de oferecer imagens de alta resolução para os trabalhos técnicos.

Mas para conseguir entrar no mercado e se diferenciar, é importante contar com um bom treinamento. A Costanobre Engenharia já atua no setor dos drones há anos. Oferecemos, agora, treinamentos para quem deseja começar a trabalhar com inspeções e uso dos drones para a construção civil. Entre em contato e saiba como podemos ajudá-lo!

Digite seu E-Mail para baixar um E-Book sobre Drones.

  •  

    Referências:

    https://www.flyability.com/drone-inspections

    https://www.dronevisual.com/blogdrones

    https://futuriste.com.br/blog/drones-na-engenharia/

    http://lorddrone.com.br/inspecao-com-drones/

    https://blog.cpetecnologia.com.br/veja-como-e-o-uso-de-drones-para-inspecao-em-locais-de-dificil-acesso/

    https://www.futuriste.com.br/blog/inspecao-com-drones-o-que-voce-precisa-saber/

    https://www.anac.gov.br/assuntos/paginas-tematicas/drones/orientacoes_para_usuarios.pdf

    https://blog.grupodr1.com.br/drone-na-construcao-civil-e-engenharia-civil/

    WhatsApp chat